Caso Ranitla: Tharcisio Aguiar tem prisão preventiva decretada pela justiça

Tharciso Aguiar, que irá responder pelo atropelamento que vitimou a dentista Ranitla Bonella, teve prisão preventiva decretada pela Justiça nesta quarta-feira (22). A ordem é fundamentada no artigo 312 do Código Penal, quando há prova de existência do crime e indícios suficientes da autoria. Além do pedido de prisão preventiva, a Justiça determinou a suspensão do direito de dirigir do investigado. Na decisão, é dito que a medida é para evitar que Tharcisio provoque outros acidentes já que as investigações apontam que ele já se envolveu em outras situações dessa natureza anteriormente.

Tharciso atropelou Ranitla no dia 11 deste mês, um sábado. A jovem atravessava num perímetro urbano da BA-001, sobre a faixa de pedestres, quando foi atingida pelo carro do empresário. Ela morreu no local.

Segundo informações, equipes da polícia já iniciaram as buscas pelo empresário, que se apresentou à polícia no dia 13 de junho.


Sobre a vítima

Ranitla Scaramussa Bonella teve a vida ceifcada aos 23 anos. Ela era recém-formada em odontologia e exercia a profissão em Eunápolis, sua terra natal. Naquele sábado, a jovem estava em Ilhéus devido à especialização que fazia em ortodontia.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*